CARTAS DA SEMANA

[tarot][bsummary]

ASTROLOGIA

[astrologia][bleft]

Cine Tarot

[cinetarot][twocolumns]

Yule, Solstício de Inverno, Eclipse... saiba tudo sobre este 'Marco Zero'

Eclipse de 21 de Junho atingindo em cheio as mães e questões do passado


Exatamente às 18h44min de hoje, 20 de junho de 2020,  quando o Sol atinge seu ponto mais baixo com em relação ao Equador, temos o Solstício de Inverno. Será a noite mais longa do ano e o dia mais curto, marcando o começo do inverno para todos nós. 

Para os praticantes das antigas artes, é também o Sabbat Yule, considerado o festival do retorno da luz. Ele tem todos os aparatos do Natal, posto que o ritual de Yule foi incorporado pelo cristianismo para representar o nascimento de Jesus que, no hemisféro norte acontece  entre 21 e 22 de dezembro.


Altar para Yule: já fez o seu hoje?

Junto a isso, amanhã, domingo (21), teremos o primeiro eclipse solar de 2020, quando Terra, Lua e Sol ficam alinhados e o satélite natural cobre a luz solar. Como a Lua estará no Apogeu, ou seja, no ponto mais distante da Terra, o eclipse se dará como um "Anel de Fogo": onde ele for visível, se poderá ver o belo efeito do contorno do Sol atrás da Lua durante o alinhamento.

Infelizmente não poderemos ver este eclipse daqui do Brasil.  Segundo a Nasa, agência espacial dos EUA, será possível fazer a observação apenas quem estiver em países mais centrais da África, na região mais ao sul da Península arábica, no norte da Índia e no Sul da China, como mostra o gráfico abaixo (wikipedia):




O eclipse começa a partir das 2h30 da manhã do domingo, mas o ápice do fenômeno ocorrerá às 3h42.

Ele acontecerá a 0 graus de Câncer - muito simbólico a marca de um zero de fogo no céu, não? É quase como um 'marco zero' no novo realinhamento que precisamos fazer aqui na terra entre nós e com a natureza - pelo menos para mim é este o recado dos céus neste momento aqui pra gente.

Apesar de não estarmos diretamente na 'zona de sombra' do Eclipse, sentiremos a sua influência sobre nós.


O Eclipse pela Astrologia


Eclipses podem gerar situações sobre as quais não se tem controle. Este pode afetar a todos de maneira geral, provocando um maior ajustamento emocional e racional com relação aos valores que damos à nossa família e ao nosso passado.


Mapa astral do Eclipse para Brasília, DF


Como os eclipses solares se associam a mudanças, revezes, esquecimentos e questões encobertas sobre as quais não temos controle, podem haver problemas com e para a família - em especial às mães e mulheres. Ainda mais que este eclipse faz quadratura com Marte e Netuno conjuntos em Peixes, o que pode significar que podemos ter pouca clareza para resolver problemas mal vistos do passado e isso nos incomode, gerando irritação e nervosismo. Mas o importante é que estas questões estão prontas para vir à luz. 

Aliás, colocar as coisas sobre novas luzes e olhares é a proposta. Com Saturno, Plutão, Júpiter, Mercúrio e Vênus em revisão, teremos um bom tempo para rever muitas coisas. Principalmente tudo que diz respeito à família, afetos, recolhimento e emoções versus valores, propriedades, poder e expansão. 

É possível que questões do matriarcado e patriarcado que há tempos vem sendo embarrigadas venham com força total para que possamos rever todos os nossos valores a respeito. 

Alinhamento de valores: um equilíbrio distante?


Por mais que ainda resistamos fortemente à pressão por mudanças e inovações com relação ao uso do dinheiro e da terra (Urano em Touro), podemos, quem sabe, ver surgir a partir de agora regras mais modernas (Saturno em Aquário) e uma revalorização da comunicação, transporte e comércio e das trocas entre nós (Vênus em Gêmeos). 

Boas notícias, quem sabe, nos aguardam. É olhar para dentro com carinho e atenção. 



Feliz eclipse, solstício e Yule para você!




Um comentário: