terça-feira, 17 de maio de 2011

17 de Maio - Carta do Dia: MORTE

E chega o dia fatídico. O dia que falamos ‘dela’. Evitamos até mesmo mencionar o seu nome, com medo de atrair sua atenção. Dizem que só os loucos e as crianças não tem medo dela. Temendo ou não, o fato é que, um dia, eu, você, todos, absolutamente todos, teremos de nos encontrar com ela, a Morte. E talvez fosse bom que não desviássemos tanto o olhar. Ou melhor, a olhássemos de forma diferente. Talvez como no Oriente. Afinal, não foi por acaso que a famigerada carta 13 tenha saído justo hoje, dia 17/5/2011, dia do Festival de Wesak. 

Para quem não sabe, Wesak é o grande Festival do Oriente e um dos mais importantes festivais da Lua Cheia, quando ela ingressa em Touro e se comemora o despertar e a transfiguração, a jornada de volta ao lar. Não por acaso Buda, então o príncipe Siddhartha Gautama, tenha escolhido esta lua tanto para encarnar quanto para se iluminar. A polaridade Touro-Escorpião diz respeito ao Eixo da Posse, e faz com que nos tornemos conscientes do processo de morte e renascimento. Faz pensar no quanto estamos presos a nossos valores, compromissos, ego. E o quanto precisamos nos desapegar das coisas que prendem a nossa evolução. Mas como fazer isso? Como nos desprender das coisas que nos referenciam? Como se preparar para a morte necessária do ego... ou mesmo para a morte física?

Há um conto chamado ‘Encontro em Samarra’ (W. Somerset Maugham) que talvez ilustre um pouco o assunto:

Havia um mercador em Bagdá que um dia enviou seu servo ao mercado para comprar provisões e em pouco tempo o servo estava de volta, branco e tremendo, dizendo: ‘ Mestre, agora mesmo quando eu estava no mercado, fui empurrado por uma mulher na multidão e quando me virei eu vi, foi a Morte que esbarrou em mim. Ela me olhou e fez um gesto ameaçador. Agora, empreste-me seu cavalo, eu vou cavalgar para fora dessa cidade e evitar o meu destino. Irei até Samarra e a Morte não me econtrará.’ O mercador então emprestou o cavalo, e o servo montou e batendo com força na virilha do animal cavalgou com o máximo de rapidez possível. Então o mercador foi ao mercado e me viu parada no meio da multidão. Vindo até mim me disse: ‘Porque você fez um gesto ameaçador ao meu servo quando o viu essa manhã?’ ‘Não foi uma ameaça, eu disse, foi um sobressalto de surpresa. Fiquei impressionada de vê-lo em Bagdá quando eu tinha um encontro com ele essa noite em Samarra.’

A grande verdade sobre este conto é que, por mais que tentemos driblar a morte, todos caminhamos ao seu destino. 'A Morte vem a cavalo', como diz a crença popular. Portanto, nada há o que se fazer para se preparar para ela a não ser aceitar que esta é a condição última e fatal da vida. O criado do conto perdeu seus últimos momentos de vida no afã de escapar da Morte. Quanto perdemos da nossa vida, com medo de perder nossas posses, nossas identidades, nosso ego? Todos vamos para Samarra. Mas como vamos é que faz a diferença na nossa vida.

Na tiragem de hoje, logo após a carta 13 da Morte, tirei a carta 20 do Julgamento, onde, atendendo ao chamado da ‘trombeta dos céus’, o homem sai de seu túmulo (limitações do ego), renovado. Creio que melhor símbolo não poderia haver para representar o renascimento do homem para a verdadeira vida espiritual. Portanto, que o dia de hoje seja comemorado, como no oriente. Que seja aproveitado para perdoar, para curar tudo que ficou no passado. E para orarmos, em uníssono com todas as almas de luz que estão hoje trazendo energia de Amor ao nosso planeta.

Convido você a fazer esta oração hoje, fazendo um pedido pessoal e um para a humanidade.

Do ponto de Luz na Mente de Deus
Flua luz às mentes dos homens.
Que a Luz desça à Terra.
Do ponto de Amor no Coração de Deus
Flua amor aos corações dos homens.
Que o Cristo volte à Terra.
Do centro onde a vontade de Deus é conhecida
Guie o propósito as pequenas vontades dos homens –
O propósito que os Mestres conhecem e a que servem.
Do centro a que chamamos raça dos homens
Cumpra-se o Plano de Amor e Luz.
E que ele vede a porta onde mora o mal.
Que a Luz o Amor e o Poder restabeleçam o Plano na Terra.

Um comentário:

Sobre Nós

RosaneTarot


Este é um blog de autoria de Rosane Kurzhals. Todos os direitos reservados. A reprodução total ou parcial do conteúdo aqui apresentada está autorizada, desde que com o consentimento da autora e citada a fonte. ;)








Últimas do Blog

recentposts

Instagram